quarta-feira, 13 de julho de 2022

Blog do Roberto Moraes: Sugestão aos amigos professores

Blog do Roberto Moraes: Sugestão aos amigos professores

Sugestão aos amigos professores

Sei que por esse perfil passam muitos professores. Não quero aumentar as suas já altas cargas de trabalho. Não importa se professor de escola pública ou privada. Penso que a partir da 6ª ou 7ª série (inclusive), já seria uma idade suficiente para a abordagem. De forma especial, a partir do Ensino Médio.

Sem deixar o conteúdo próprio de cada disciplina de lado, a ideia que apresento é o de usar uma aula - ou parte dela -, para uma conversa com os alunos. Sim, diálogo. Bidirecional. Ouvir e falar, ou dialogar. Sugerir e intermediar a discussão.

O tema? É um assunto transversal e, na verdade, cabe em qualquer e em todos os conteúdos disciplinares, porque ele é também meio e método.

Sugiro que nem seja muito planejado e nem algo improvisado, mas que o colega professor se prepare minimamente sobre o tema que é algo do seu cotidiano e também dos alunos, para assim ajudar na mobilização intelectual.

Talvez seja um dos temas mais importantes para os adolescentes, jovens e estudantes maduros na atualidade. O professor não precisa dominar o assunto da tecnologia digital. Aliás, é bom que não queira saber demais sobre o tema. A ideia é que como mediador ele traga ao centro do debate um assunto que ele possa mais ouvir.


domingo, 3 de julho de 2022

quarta-feira, 29 de junho de 2022

Blog do Roberto Moraes: As múltiplas, mas concentradas redes sociais: o av...

Blog do Roberto Moraes: As múltiplas, mas concentradas redes sociais: o av...

As múltiplas, m

O chinês TikTok vai ganhando uma aderência no Ocidente que hoje espanta as Big Techs americanas, em especial, o FB (também dona do Instagram) e o Google.

O FB com seus 2,9 bilhões de usuários, já colocou em curso a ideia de fazer com o que o seu Instagram possa gradualmente fazer o que o Tik Tok faz com vídeos curtos. Por isso, criou o Rels e o Google o Shorts ou Cortes. O Instagram tem 2 bilhões de usuários no mundo, mas o TikTok é a que mais cresce em usuários ativos e já passou de 1 bilhão de usuários em todo o mundo.

Há apenas 4 anos o TikTok passou a aceitar anúncios e no ano passado já faturou US$ 4 bi e esse ano tem previsão de chegar a US$ 12 bi, apenas cerca de 10% dos US$ 118 bi de receita do FB.

O TikTok ficou conhecido e se tornou atraente, entre aqueles da chamada geração Z (nascidos no entorno e a partir do ano 2000) com os vídeos curtos e engraçados, mas já é muito mais que isso.

A capacidade do TikTok de atrair e reter público (engajamento) é muito maior do que o do FB, Instagram e Youtube, seus concorrentes diretos. Isso é atribuído à potente e eficiente capacidade de sua Inteligência Artificial-IA (e algoritmos), o que faz com que seus usuários permaneçam quase o dobro do tempo dos usuários do FB e o triplo do Instagram.

Isso leva a maiores preços de seus anúncios e, consequentemente, a maiores e crescentes receitas.

Porém, a empresa TikTok é muito mais que isso. Ela atua junto com a holding a que pertence, a ByteDance, uma das gigantes Big Techs chinesas. As demais são: Tencent, Baidu, Alibaba e Didi. A ByteDance tem valor de mercado em torno de US$ 130 bilhões, já Tencent se aproxima dos US$ 500 bilhões.

A TikTok é uma das dez subsidiárias da holding ByteDance. Juntas e atuam além do APP do TikTok com distribuição e hospedagem de vídeos curtos, com distribuição de música, games, streamings e também no e-commerce (comércio digital).

domingo, 26 de junho de 2022

Blog do Roberto Moraes: Transformações digitais podem estar nos levando a ...

Blog do Roberto Moraes: Transformações digitais podem estar nos levando a ...

Transformações digitais podem estar nos levando a uma era pós-industrial?

Penso que necessitamos conhecer mais a fundo a atual transformação do que seria para alguns autores, a passagem de uma era industrial, para uma época de hegemonia digital no capitalismo contemporâneo, que se apoia num tripé dividido ainda com a financeirização e o neoliberalismo.

A digitalização e o plataformismo são partes da reestruturação produtiva e de um processo mais radical de acumulação.

Mais que uma infraestrutura que articula o virtual da plataforma digital e o real da logística de entrega das mercadorias, a plataformização realiza o que nem Taylor e Ford, juntos, jamais sequer imaginaram ser possível, como mecanismo de controle sobre tempos e movimentos e aumento da produtividade sobre o trabalhador.

Vivemos uma "quase revolução da etapa de circulação" que amplia a velocidade da "mais-valia" e da captura do valor sobre todos os setores da vida em sociedade. Como meio de circulação, as Plataformas Digitais aproximam as distâncias e assim diminuem o tempo desse processo, com o uso da infraestrutura de logística, através da qual se romperá a barreira da distância. 

Vale destacar que a transformação de um produto em mercadoria só se completa, na forma de mercadoria, quando é vendido. Em estoque é apenas uma mercadoria em potencial. É nesse ponto que se deve entender a ligação que o varejo do e-commerce faz entre o intangível das relações e dos negócios digitais com o mundo tangível da infraestrutura


domingo, 19 de junho de 2022

Blog do Roberto Moraes: A confusão do desgoverno militar com Petrobrás e p...

Blog do Roberto Moraes: A confusão do desgoverno militar com Petrobrás e p...

A confusão do desgoverno militar com Petrobrás e preço dos combustíveis contem paradoxos insolúveis

A confusão em torno da Petrobrás e dos preços dos combustíveis, sem mexer no PPI (Preço Paridade Internacional) tem 5 objetivos:

1) Tentar tirar a culpa do desgoverno militar;

2) Desviar a atenção dos assassinatos de Bruno e Dom na Amazônia;

3) Fragilizar a estatal para concluir a venda de suas partes;

4) Criar mais confusão e ampliar caos para justificar ações de força que gostaria usar como sua salvação; 

5) Todas as anteriores juntas. Pode ser tudo ou nada, característica de quem mente, dissimula, amedronta e tenta produzir resultados de curto prazo. Tudo apenas até às eleições. 

Assim, tenta atingir públicos que perdeu, mas segue sempre se encaminhando para paradoxos insolúveis que não ajuda para ampliar apoio. Quando alimenta um público que já tem, perde de outro que não consegue mais atingir. 

Desta forma, resta ao desgoverno militar ampliar a confusão para tentar aparecer como solução para a desgraça que criou, imaginando que a maioria ainda não percebeu esses movimentos. 

Faltando apenas 106 dias, o desespero aumenta, junto com a turma que começa a pular do barco, em busca de salvação. Resta saber o que sobrará da Nação a ser reconstruída.

domingo, 5 de junho de 2022

Blog do Roberto Moraes: Por que o petróleo ainda é uma mercadoria especial...

Blog do Roberto Moraes: Por que o petróleo ainda é uma mercadoria especial...


Por que o petróleo ainda é uma mercadoria especial com enorme poder estratégico e geopolítico?

É importante identificar que o petróleo se tornou uma mercadoria especial que deu contorno ao capitalismo que conhecemos. 

O petróleo foi se tornando ao longo e a partir do século XX, um elemento dinamizador do capitalismo histórico, do desenvolvimento da indústria e da geração dos excedentes com enorme contribuição para essa etapa da hegemonia das finanças no capitalismo contemporâneo.

Artigo completo a seguir: 

http://www.robertomoraes.com.br/2022/06/por-que-o-petroleo-ainda-e-uma.html/

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2022

Blog do Roberto Moraes: Breve síntese para entender a dominação digital e ...

Blog do Roberto Moraes: Breve síntese para entender a dominação digital e ...


Breve síntese para entender a dominação digital e as batalhas eleitorais cibernéticas

O problema não está na tecnologia digital em si, mas no seu monopólio (ou oligopólios) e na propriedade das Big Techs. Elas, extraem nossos dados capturados através de suas plataformas, microprocessados, comprimidos, classificados e selecionados por algoritmos.

Os dados são a primeira e maior fonte de valor. Depois as máquinas processam o algoritmo em modelo estatístico. 

Artigo completo a seguir:

http://www.robertomoraes.com.br/2022/02/breve-sintese-para-entender-dominacao.html 

sexta-feira, 11 de fevereiro de 2022

Blog do Roberto Moraes: Batalha cibernética de 2022: o encontro do poder d...

Blog do Roberto Moraes: Batalha cibernética de 2022: o encontro do poder d...

Batalha cibernética de 2022: o encontro do poder das finanças digitais com as eleições digitalizadas

No mundo contemporâneo já deixou de ser novidade falar que o dinheiro se tornou virtual e as finanças digitais. Pouco dinheiro passa pelos bolsos e mãos das pessoas que usam cartões, APPs de bancos, fintechs, Pix, etc. As transformações seguem velozes e quase não se percebe que a concordância e o aceite para a consecução destas mudanças, se ancoram numa espécie de confiança no sistema utilizado. 

Artigo completo no link do título: